Fundotec

Um dos primeiros fundos mútuos de investimento em empresas emergentes com sede no Brasil. Foi constituído em junho de 2001, sob Instrução CVM 209, para investir em empresas nascentes e emergentes de base tecnológica, com prazo de duração de dez anos. O Fundotec I, além da própria FIR Capital, contou com investidores como BID, Sebrae e Sumitomo Corporation, entre outros investidores privados. Este fundo encerrou seu período de investimento em junho de 2005, com uma carteira de investimentos de 12 empresas.